O meio Ambiente

Uma de nossas principais preocupações…

Fabricante

Por força de lei todo fabricante é obrigado a proceder a coleta das baterias de chumbo-ácido esgotadas ou inservíveis, com o intuito de dar destinação ambiental adequada a esses produtos. Constatado o esgotamento da bateria, o usuário deverá entregá-la em qualquer estabelecimento em que o produto é comercializado ou, então, à rede de assistência técnica autorizada pelo fabricante, sendo todos obrigados a aceitá-la, independentemente de terem ou não comercializado a bateria em questão.

Distribuidores e Revendedores

De acordo com a legislação atual, os comerciantes são obrigados a recolher as baterias com a capacidade de consumo esgotadas ou inservíveis, além de aceitar o seu recebimento através da entrega por seus próprios clientes, pelos consumidores finais ou quaisquer outros terceiros, com o propósito único de encaminhá-las ao fabricante. Por esta razão, a Universo Baterias em parceria com seus clientes atua na constante busca e na contribuição do recolhimento das baterias em questão.

É dever de todos contribuir para o atendimento da legislação.

Mais sobre nós

Veja alguns de nossos número e conheça

+ 1
Anos no mercado
+ 1
Cidades atendidas
+ 1
Clientes de atacado
1
t/Mês - Log. reversa

Então vamos conversar?

Esclareça suas dúvidas pelo telefone, e-mail, vindo até nossa empresa
ou até mesmo pelo nosso formulário.

Conheça nosso faq

Dúvidas?

  • All
  • Produto
  • Meio ambiente
  • Dicas
  • All
  • Produto
  • Meio ambiente
  • Dicas
O que é uma bateria ?

A bateria é um acumulador recarregável de energia. Sua função é armazenar energia sob a forma química, que será transformada em energia elétrica quando o veículo solicitar. Ela serve para dar partida no veículo, proporcionar energia para iluminação externa e interna e manter os “sistemas elétricos e eletrônicos” ativos quando o veículo estiver desligado. Uma bateria automotiva de 12V é formada por 6 elementos constituídos por placas positivas, negativas, separadores e eletrólito.

Baterias seladas são secas?

Não. As baterias automotivas tipo chumbo-ácido possuem solução de ácido sulfúrico e água na sua composição.

As baterias mais pesadas são melhores?

Não. Isto é um grande mito, pois a performance de uma bateria está relacionada à tecnologia e qualidade da matéria prima empregada na sua produção. Uma bateria pode ser mais leve que outra de mesma amperagem e, ao mesmo tempo, ter maior capacidade de descarga de energia. Verifique sempre os valores de CCA para comparação entre as baterias de mesma amperagem.

O que significa a sigla CCA?

O CCA (Cold Cranking Ampère – Corrente de Arranque a Frio) é um importante complemento na observação das características do produto. O CCA indica a corrente máxima que a bateria pode fornecer na partida, principal função do produto no veículo. Quanto maior for o CCA, melhor será o desempenho da bateria.

As baterias com prata são todas iguais?

Não. A liga de prata é utilizada por muitos fabricantes, mas o que diferencia as baterias com liga de prata é a tecnologia com que as grades, componente onde se concentra a prata, são produzidas.

Preciso olhar a água da minha bateria?

Somente as baterias convencionais (com rolha) devem ser examinadas a cada trinta dias e caso necessário, completar com água destilada sem ultrapassar o nível.

Carga rápida ou lenta?

Lenta.  A carga rápida provoca a elevação da corrente aplicada, provocando o sobreaquecimento da bateria, reduzindo drasticamente a sua vida útil.

O que fazer com a minha bateria usada?

As baterias automotivas possuem componentes que podem ser nocivos ao meio ambiente, caso sejam descartados de maneira incorreta. Porém, até 99% de uma bateria pode ser reciclada. Para realizar o descarte correto de uma bateria, basta fazer a entrega em um ponto de venda de baterias, o qual dará o destino correto a sua bateria usada.

Como posso ter a certeza de que a minha bateria usada será descartada de forma correta?

Conforme a resolução do CONAMA (Conselho Nacional de Meio Ambiente) nº 401, de 4 de novembro de 2008, todos os estabelecimentos que comercializam baterias ou prestem assistência técnica, deverão receber dos usuários as baterias usadas, de qualquer marca, e repassar na totalidade aos fabricantes ou importadores.

Então entregando minha bateria usada estou preservando o planeta e protegendo as futuras gerações?

Sem dúvida. A partir da publicação da Política Nacional de Resíduos Sólidos, com a Lei nº 12.305, em agosto de 2010, foi fechado um acordo setorial incluindo fabricantes, importadores, distribuidores e comerciantes, quanto à implantação de uma responsabilidade compartilhada pelo ciclo de vida do produto, denominado logística reversa, visando preservar o meio ambiente e as futuras gerações.

O que é logística reversa?

A logística reversa é um conjunto de procedimentos e meios para recolher e dar encaminhamento pós-venda ou pós-consumo aos setores empresarias envolvidos na fabricação e comercialização, para reaproveitamento ou destinação correta de resíduos.

Como se dá a logística reversa?

O consumidor devolve o produto ou embalagem ao comerciante/distribuidor. O comerciante/distribuidor a remete ao fabricante/importador. O fabricante/importador encaminha para reuso, reciclagem ou descarte adequado.

Como escolher a melhor bateria para o meu veículo?

Verifique o modelo correto da bateria a ser utilizada no veículo. Uma bateria subdimensionada ou superdimensionada terá comprometida sua vida útil.

Como maximizar a vida útil de uma bateria?

Faça revisões periódicas do sistema elétrico do veículo em uma oficina de sua confiança, pois o mau funcionamento deste pode gerar sobrecarga, fuga de corrente entre outros, comprometendo assim a vida útil da bateria.

Como prevenir futuros problemas com uma bateria?

Examine regularmente os pólos negativos e positivos quanto à oxidação (zinabre). Caso estejam oxidados, devem ser limpos com uma solução de água e bicarbonato de sódio.

Uma bateria pode entrar em curto?

É de extrema importância que a bateria automotiva esteja bem fixada no compartimento, evitando vibrações e choques que possam danifica-la. Esse descuido pode fazer com que a bateria sofra curto-circuito, causando danos ao veículo.

O que fazer quando o carro não dá partida?

Dê partida por no máximo 5 segundos, e se o carro não pegar aguarde 30 segundos para uma próxima tentativa e se mesmo assim não der certo, entre em contato com seu mecânico/seguro.

O “tranco” é prejudicial para o meu veículo?

Nunca dê “trancos” no veículo para fazê-lo funcionar (há riscos de perda de sincronismo da correia dentada e acúmulo de combustível no catalisador).

O que não se deve fazer com o veículo desligado?

Evite ficar com equipamentos elétricos ligados por muito tempo com o veículo desligado.

Vou viajar sem o carro, há algo que eu possa fazer para me prevenir de futuros problemas?

Desconecte os terminais quando o carro não for ser utilizado por um período prolongado.

O que fazer quando se adiciona acessórios elétricos ao veículo?

Ao adicionar acessórios elétricos em seu veículo, o gasto de energia aumentará. Por isso, instale uma bateria com capacidade maior. Como os acessórios necessitam de uma corrente mais elevada, verifique também se o alternador tem capacidade para gerá-la.

O que fazer com uma bateria inutilizada?

Nunca descarte baterias usadas no lixo doméstico. Devolva a bateria velha no momento da troca por uma nova.